Elogios não me elevam, ofensas não me rebaixam, sou o que sou e não o que acham. Não sou de cá...mas vim para ficar. Esta é a minha terra do coração. Divirtam-se e apareçam por aqui....ROXA.

08
Mar 10

 

No Dia 8 de Março de 1857, operárias de uma fábrica de tecidos, situada na cidade norte americana de Nova Iorque, fizeram uma grande greve.

 

Ocuparam a fábrica e começaram a reivindicar melhores condições de trabalho, tais como, redução na carga diária de trabalho para dez horas (as fábricas exigiam 16 horas de trabalho diário), equiparação de salários com os homens (as mulheres chegavam a receber até um terço do salário de um homem, para executar o mesmo tipo de trabalho) e tratamento digno dentro do ambiente de trabalho.

 

 

A manifestação foi reprimida com total violência. As mulheres foram trancadas dentro da fábrica, que foi incendiada. Aproximadamente 130 tecelãs morreram carbonizadas, num acto totalmente desumano.

 

 

Porém, somente no ano de 1910, durante uma conferência na Dinamarca   ficou decidido que o 8 de Março passaria a ser o "Dia Internacional da Mulher", em homenagem as mulheres que morreram na fábrica em 1857.

 

Mas somente no ano de 1975, através de um decreto, a data foi oficializada pela ONU  (Organização das Nações Unidas).

 

 

Objectivo da Data 

 

Ao ser criada esta data, não se pretendia apenas comemorar. Na maioria dos países, realizam-se conferências, debates e reuniões cujo objectivo é discutir o papel da mulher na sociedade actual. O esforço é para tentar diminuir e, quem sabe um dia terminar, com o preconceito e a desvalorização da mulher. Mesmo com todos os avanços, elas ainda sofrem, em muitos locais, com salários baixos, violência masculina, jornada excessiva de trabalho e desvantagens na carreira profissional.

 

 

Muito foi conquistado, mas muito ainda há para ser modificado nesta história.

publicado por roxa1 às 14:58

DIA INTERNACIONAL DA MULHER

Elas sorriem quando querem gritar.
Elas cantam quando querem chorar.
Elas choram quando estão felizes.
E riem quando estão nervosas.

Elas brigam por aquilo que acreditam.
Elas levantam-se para injustiça.
Elas não levam "não" como resposta quando
acreditam que existe melhor solução.

Elas andam sem novos sapatos para
suas crianças poder tê-los.
Elas vão ao medico com uma amiga assustada.
Elas amam incondicionalmente.

Elas choram quando suas crianças adoecem
e se alegram quando suas crianças ganham prémios.
Elas ficam contentes quando ouvem sobre
um aniversario ou um novo casamento.

Pablo Neruda


A TODAS AS MULHERES e às ALMEIDENSES EM ESPECIAL, o meu reconhecimento e profundo respeito e admiração, convicto da sua fundamental acção na sociedade que se deseja de verdadeira mudança.

BEM HAJAM TODAS VÓS.

Manuel Norberto Baptista Forte a 9 de Março de 2010 às 11:49

Olá!
O Sr. Manuel e eu escolhemos o mesmo poema de Neruda. Só que eu coloquei-o no blog clubedasmulheresbeiras.
Não sabia dessa história da fábrica nos EUA, como é possível matar mulheres assim, só porque manifestavam os seus direitos... :(
Pena hoje haver mais a vertente comercial do que discussões em torno do papel da mulher na sociedade. Mas que houve e haverá sempre grandes Mulheres no Mundo, é verdade :)

Jocas gordas
Lena
Lena a 11 de Março de 2010 às 15:43

Bom dia. E u gosto muito da obra de Pablo Neruda, e por isso pela expressão da sua poesia nomeadamente este, "caíu" no mesmo a minha escolha e a sua; coincidências, perante o internacionalismo da obra do autor citado.
Cara Lena, neste Mundo que permanece, infelizmente, desigual claro que houveram determinados factos e acções que foram aberrações autênticas; que fizeram as pessoas à época? Parece que os factos que alteraram a situação são por demais elucidativos, e esclarecedores. Sem embargo algum lhe digo que a Mulher na sociedade moderna tem um papel fundamental pelas suas intrínsecas qualidades.
"...haver mais a vertente comercial do que discussões em torno do papel da mulher na sociedade." Totalmente de acordo consigo, porque penso que é "consumismo demasiado" mesmo em pleno Séc. XXI, que as pessoas se escusem a falar de aspectos sociais, que a todos dizem respeito. Há que persistir ...
Um forte abraço, e votos de Bom Fim de Semana.
Manuel Norberto Baptista Forte a 12 de Março de 2010 às 09:11

Março 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

15
16
17
18
19
20

21
22
23
25
26
27

29
30
31


mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO